user_mobilelogo

small spapsmall bttsmall canyoningsmall escaladasmall espeleosmall montanhismosmall snowboard skismall trekking

Plataforma colaborativa de recolha de dados ambientais

 

 

tornar membro arcm

gravura coa

FOZ CÔA COM CAMINHADA AO PALEOLÍTICO SUPERIOR – 17 e 18 de Outubro de 2015

Não havendo disponibilidade para este fim de semana tentaremos reservar de imediato o seguinte.

PRAZO LIMITE PARA INSCRIÇÃO 20 DE ABRIL COM CAUÇÃO.

Programa –

Sábado, dia 17 -10h00m - Saída do Porto, com farnel/almoço para ser degustado no caminho, em local a definir.
Visita ao Museu do Côa da parte da tarde (fecha às 18h), jantar
em Foz Côa e estadia na Pousada da Juventude.

Suíte Júnior (4 Adultos)- 60 € ( 15 €/pessoa)
Cama em Beliche - Dormitório Feminino—13 €/pessoa
Cama em Beliche - Dormitório Masculino - 13 €/pessoa
Quarto com 2 Camas de Solteiro e Banheiro Privativo – 32€ (16 €/pessoa)
Quarto com 2 Camas de Solteiro e Banheiro Compartilhado – 28 (14 €/pessoa)

Em princípio será de optar pelos beliches em dormitório Feminino/Masculino. Caso alguém tenha especial preferência por outra opção, deverá referi-lo de imediato para tentarmos fazer a reserva.


Domingo, dia 18 - Núcleo de gravuras da Ribeira de Piscos.
Distância total a percorrer – cerca de 20km
Início às 09h30 e final por volta das 16h30, segundo indicações do pessoal do Parque.
Temos como eventuais opções Penascosa ( +/- 14 Km) ou a
Canada do Inferno (+/- 9Km).

O bilhete para visita a um núcleo rupestre + museu = 12€
Como a nossa opção será de caminhada e não deslocação em jipes, talvez seja possível ser mais económico. Daqui por alguns dias confirmaremos estes valores.
O valor da visita é de 5€ por pessoa e o grupo tem de ter no mínimo 10 pessoas, caso se opte apenas pelo percurso a pé a um núcleo de gravuras, sem o museu.

De manhã, 9h30, partimos para a visita à Ribeira de Piscos, fazendo assim a nossa caminhada (+/-20 km) com bilhete até à Pré-história.

Ribeira de Piscos
Vila Nova de Foz Côa - Muxagata
Cronologia: Paleolítico Superior - Pré-história Recente - Idade do Ferro – Moderno
Núcleo com alguns dos mais importantes exemplares de gravura paleolítica em todo o vale do Côa.
42 rochas historiadas distribuem-se nos últimos 2000 metros do percurso desta extensa ribeira, sobretudo já nas proximidades da sua foz e também nas margens viradas ao Côa. Maioritariamente datadas dos períodos mais recentes do Paleolítico, encontramos aqui alguns dos mais belos motivos de todo o vale. Entre eles salientam-se os cavalos enlaçados da rocha 1. Destaque-se ainda o facto de ser neste sítio que, até ao momento, se encontrou o maior número de figurações humanas — 17, em contraste com o exemplo único do sítio do Fariseu — 1 ictifálico na rocha 2, o já famoso Homem de Piscos, e os restantes 16 na extraordinária rocha 24.
O percurso, apesar de dificuldade média, apresenta também enorme beleza paisagística e grande riqueza a nível da fauna e flora.

Máximo participantes – 20

INSCRIÇÃO OBRIGATÓRIA ATÉ 20 de Abril de 2015.

Podem inscrever-se pessoalmente com um dos responsáveis da Secção ou através de envio de mail para O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. ou O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.
Por favor indicar se podem levar viatura a fim de ser possível planear o mais atempadamente possível a deslocação.

CAUÇÃO DE 20€, a deduzir nos custos por pessoa que vier a ser apurado. (Antes de procederem à transferência sugere-se que contactem o Coordenador)

NIB para transferência da caução: 003502810000743480056 (Agradeço envio do comprovativo para um dos e-mails supra referidos)

Sugestões:
Como se trata de fim semana com pernoita deverão ter em conta uma mochila com o essencial para fazerem face às necessidades desta aventura.
Para a caminhada:
Água é fundamental.
Comida – Suficiente para as pausas de restabelecimento de energias e refeições leves para os almoços de Sábado e Domingo.
Roupa adequada, incluindo boné.
Calçado confortável.
Bastões de caminheiro (não fundamentais, mas recomendam-se...)
Óculos de sol e protector solar
Máquina Fotográfica.
Impermeável, de prevenção, caso chova.
Manta de sobrevivência, quem tiver.
Boa disposição q.b.
Nota: A actividade não tem seguro. Obrigatória a assinatura de termo de responsabilidade.
Contactos dos responsáveis pela secção de Trekking do ARCM (Alto-Relevo Clube de Montanhismo)
Coordenador - Arnaldo Costa – 917755286
Secretário - Júlio Portela – 912935490

Últimos eventos realizados

Siga-nos em

MEO ARCM 28855
 

 

 

 

Alojamento oferecido por:

logo maquinadigital pq